5 maneiras de tornar sua obra mais segura

5 maneiras de tornar sua obra mais segura

5 maneiras de tornar sua obra mais segura – A segurança em obras de construção civil é muito importante e possui até mesmo um agente fiscalizador. Edificar construções é uma tarefa que se não feita com cautela e segurança, pode colocar a integridade física de muitas pessoas em risco.

Um dos principais equipamentos da construção civil é o aluguel de andaime, e ele precisa ser utilizado com cautela, seguindo orientações como uso de EPIs e cintos de segurança, dentre outras ações. No entanto, não são só os andaimes que precisam de cuidados na hora de se trabalhar em um projeto de obra.

Neste artigo, vamos elencar algumas dicas para que você esteja atento às melhores práticas de segurança na construção civil.

Planejamento da segurança de canteiro

Os projetos, desenhos, cronogramas, orçamentos e demais ferramentas de gestão são agentes fundamentais no acompanhamento da obra. Além de estruturarem toda a construção, também garantem a integridade física e segurança de todos os envolvidos que forem atuar em cada uma das etapas do trabalho.

Para tanto, o planejamento de segurança do trabalho é essencial. Neste sentido, cada obra precisa passar, em primeiro lugar, por um levantamento de riscos para que a construtora, em conjunto com especialistas no assunto, consiga esquematizar uma estratégia de prevenção em maior consonância com a realidade.

Uso adequado de equipamentos de segurança

De acordo com dados estatísticos, o maior número de acidentes de trabalho no setor da construção civil está relacionado à falta de prudência no uso de EPIs e EPCs – equipamentos de proteção individual e coletiva.

Neste sentido, é fundamental que a construtora, além de ser a responsável pelo fornecimento de dispositivos de segurança adequados ao risco de cada atividade, também oriente seu uso e fiscalize suas eventuais trocas e manutenções.

Normas de segurança

Existem diversas normas e regulamentos referentes à construção civil, como a NR5. Esta indica a criação de uma CIPA – Comissão Interna de Prevenção de Acidentes. A CIPA existe para informar os possíveis riscos que cada obra oferece.

O gestor do projeto civil precisa prestar muita atenção a todas as normas e se certificar de que elas não estejam sendo descumpridas por nenhum empregador ou colaborador.

Conscientização e treinamento devem fazer parte da rotina

O treinamento, a conscientização e o estímulo às boas práticas de prevenção de acidentes em canteiro de obras fazem parte de uma ação integrada e continuada, não devendo surgir apenas em episódios esporádicos.

Com o passar do tempo, o funcionário passará a sentir que não tem nas costas apenas a responsabilidade pela sua própria segurança, mas sim com a de todos os envolvidos no trabalho.

Quando o canteiro de obra chega a este grau de trabalho coletivo e comportamental, os índices de prevenção a acidentes efetivos crescem consideravelmente.

Uso de EPIs

O uso de equipamentos de proteção individuais certificados é indispensável para que acidentes em construção civil sejam evitados. Os EPIs que fazem parte desta segurança do trabalhador são:

  • Capacete de segurança;
  • Óculos de proteção;
  • Luvas de segurança;
  • Cinturões de segurança;
  • Máscaras e respiradores;
  • Protetores auditivos;
  • Calçados adequados.

O uso de EPIs somado a boas práticas de segurança devem ser prioridade em uma gestão de construção civil focada na contenção de riscos de todos os trabalhadores envolvidos.

Deixe um comentário sobre o tema: 5 maneiras de tornar sua obra mais segura.

Leia Também:

5 receitas caseiras para uma casa mais perfumada
Como lavar travesseiros de pena?

Leave a Reply